terça-feira, 4 de novembro de 2014

Podcast: Amazônia perdeu 42 bilhões de árvores nos últimos 40 anos


Pesquisador do Inpe fez as contas: desmatamento representa menos duas mil árvores por minuto e tem impacto direto na crise da água
O pesquisador do Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais), Antônio Nobre, foi o entrevistado no Tarde Nacional. Ele é o responsável pelo recém-lançado estudo “O Futuro Climático da Amazônia”, que apresenta números alarmantes.
Segundo a pesquisa, nos últimos 40 anos, a Amazônia perdeu 42 bilhões de árvores, o que significa menos duas mil árvores por minuto. Assim, fica impossível não relacionar os dados com a crise hídrica e a seca pelas quais passa o Brasil atualmente.
Nobre confirma que não é coincidência: uma árvore grande da Amazônia chega a evaporar mil litros de água em apenas um dia. Se calcularmos todas as árvores da bacia amazônica, a quantidade de vapor que vai pra atmosfera corresponde a 20 bilhões de toneladas de água por dia (mais que o Rio Amazonas coloca no Oceano Atlântico no mesmo período).
Segundo o pesquisador, “o desmatamento sem limites encontrou no clima um juiz que sabe contar árvores, não esquece e não perdoa”.

00:00
00:00
00:00


Confira aqui o relatório na íntegra!
O programa Tarde Nacional vai ao ar de segunda a sexta-feira, às 16h, na Rádio Nacional da Amazônia. A apresentação é de Juliana Maya.
Produtor – Juliana Maya e Roberta Timponi
Publicado no Portal EcoDebate, 04/11/2014



Nenhum comentário: