quinta-feira, 8 de março de 2012

A procura pela “partícula de Deus” pode estar perto do fim

OSMAIRO VALVERDE DA REDAÇÃO DE BRASÍLIA
A caçada pela famosa “partícula de Deus” deu mais um passo para a conclusão. Cientistas americanos anunciaram evidências convincentes da existência do Bóson de Higgs.


Os dois laboratórios que são rivais encontraram grandes evidências e com bastante semelhança, mesmo utilizando métodos completamente diferentes para a busca do Higgs. Como os resultados se aproximam, existe uma onda tendenciosa de acreditar que a “partícula de Deus” realmente possa existir.

Mesmo quando os dois dados obtidos pelo Tevatron e pelo LHC são somados, o conjunto formado de evidências não são fortes o suficiente para que os físicos possam afirmar oficialmente a descoberta, e a grande maioria dos cientistas continuam céticos e afirmam que o bóson de Higgs não existe.

A famosa partícula seria a última peça que falta no quebra-cabeça do entendimento da formação do Universo. Segundo os teóricos, o bóson de Higgs seria uma partícula elementar surgida logo após o Big Bang. Segundo os físicos, ela representa a chave para explicar a origem da massa de outras partículas elementares, por isso existe um esforço mundial em provar sua existência.


Físicos do LHC no laboratório CERN, Suíça, esperam confirmar a existência da esperada “partícula de Deus” ainda no primeiro semestre de 2012. Talvez os dados encontrados pelo Tevatron possam reforçar a crença de que o LHC realmente tenha conseguido encontrar a tão esperada partícula.
>>>Espalhe esta matéria para seus amigos no facebook, twitter ou orkut!
Fonte: Telegraph  Foto: Reprodução/marialynce



Nenhum comentário: